Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
 
Home Ministro Adjunto e do Desenvolvimento Regional em Roteiro pelos Territórios de Baixa Densidade, no Alentejo
Ministro Adjunto e do Desenvolvimento Regional em Roteiro pelos Territórios de Baixa Densidade, no Alentejo
Quarta, 07 Maio 2014 13:54

Ministro Adjunto e do Desenvolvimento Regional em Roteiro pelos Territórios de Baixa Densidade, no AlentejoO Ministro Adjunto e do Desenvolvimento Regional, Poiares Maduro, acompanhado pelos dirigentes da CCDRA e da Comissão Directiva do INALENTEJO, realizou um Roteiro pelos Territórios de Baixa Densidade, no Alentejo, nos passados dias 2, 3 e 5 de Maio de 2014.

Neste Roteiro, que abrangeu os concelhos de Arraiolos, Évora e Montemor-o-Novo, Moura, Ferreira do Alentejo, Beja, Sines, Marvão, Castelo de Vide e Campo Maior, o Ministro Adjunto e do Desenvolvimento Regional teve oportunidade de visitar alguns projectos públicos e privados emblemáticos destes concelhos, alguns dos quais desenvolvidos com apoio comunitário FEDER no âmbito do INALENTEJO - Programa Operacional Regional do Alentejo 2007-2014, como sejam:

  • Centro Interpretativo do Tapete de Arraiolos
  • Regeneração Urbana / Eficiência Energética do Centro Histórico de Arraiolos
  • Projecto Hércules mobile, da Universidade de Évora
  • L'And Vineyards Resort
  • Laboratório da Lógica, EM, em Moura
  • Projecto Agrícola e de Internacionalização da Herdade de Vale da Rosa
  • Requalificação da Avenida Vasco da Gama, Escola de Artes, Consolidação da Falésia e Ligação Vertical, em Sines
  • Ninho de Empresas de Marvão
  • Lar de Santo Amaro da Santa Casa da Misericórdia de Castelo de Vide e Recuperação do Convento / Igreja de Santo Amaro
  • Centro Escolar de Campo Maior
  • Centro de Ciência do Café

Visitou ainda o Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva e a OVIBEJA 2014, ficando a conhecer as reais potencialidades da Região Alentejo.

No Roteiro, o Ministro Adjunto e do Desenvolvimento Regional fez o balanço das visitas e dos projectos que conheceu no terreno, afirmando que "...é através destas iniciativas que podemos inverter um processo de décadas pautado pela perda de população e desenvolvimento económico (...) temos de valorizar os recursos de cada um dos territórios, com conhecimento, ciência, inovação e capacidade de comercialização".

 


 
Faixa publicitária

EVENTOS

Ano 2015


linha_bottom
Inalentejo Qren EU ccdra